O CDS-PP vai propor no Parlamento a isenção, durante dois anos, das contribuições para a Segurança Social devidas pelas empresas que contratem jovens licenciados para o primeiro emprego.

A ideia partiu da administração da Empresa de Equipamento Eléctrico, SA, em Águeda, durante uma visita dos deputados democratas-cristãos, no âmbito das jornadas parlamentares do CDS-PP, que decorrem em Aveiro.

(informação completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.