Apesar do treinador do Valonguense, José Carlos Tentativa, não falar abertamente da situação – limitando-se a afirmar que “não contava ficar” -, a inclusão dos canarinhos de Valongo do Vouga e do Macinhatense na série B da II divisão distrital não foi bem acolhida pelos dois emblemas do concelho de Águeda.

Este ano em novos moldes com a supressão da III divisão distrital, o campeonato distrital da II divisão divide-se em três séries de 13 equipas e uma de 14, subindo à I distrital apenas o primeiro classificado de cada série.

O treinador do Macinhatense, Paulo Silva, mostrou-se descontente. “Preferia que tudo estivesse como dantes, pois este ano vamos ter menos jogos e mais distantes”, referiu ao RA. “O Macinhatense, tal como o Valonguense, vão jogar essencialmente no norte. A nível desportivo é mais complicado mas é também mais dispendioso”.

(informação completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.