José Pires, presidente da direcção da Associação Comercial de Águeda (ACOAG), pediu a suspensão de mandato do cargo, por período indeterminado. Durante esta fase é o vice-presidente José Castilho que liderará os destinos da associação dos comerciantes.

Razões de ordem profissional e particular justificam, segundo José Pires, esta sua decisão.

Recorde-se que José Pires há três anos que está à frente da associação, cumprindo o seu segundo mandato como presidente da direcção. Cargo que suspende a escassos meses da realização da Festa do Leitão, o que torna a decisão algo inesperada. “A ACOAG tem bons profissionais para fazer o trabalho”, respondeu o dirigente questionado sobre essa matéria pelo RA.

 

(informação completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.