Nelson Oliveira, vice-campeão mundial de contra-relógio, em sub-23, foi homenageado pela Câmara de Anadia. A medalha de prata conquistada na Suiça é também o melhor resultado de sempre do ciclismo português nos mundiais de estrada, superando o anterior melhor registo que pertencia a Sérgio Paulinho, terceiro e medalha de bronze na mesma categoria nos mundiais disputados na Bélgica em 2002.

Nelson Oliveira reconheceu o papel do seleccionador João Poeira e o apoio de “um amigo” que lhe “ofereceu uma bicicleta nova, com a qual corri”.

O ciclista, de 20 anos, ambiciona agora dar o salto para uma equipa do primeiro plano do pelotão internacional (ProTour), falando-se nomeadamente da Garmin e da Xacobeu Galicia.

(informação completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.