O Paraíso Social de Aguada de Baixo inaugurou, no sábado, a ampliação do lar de idosos. São mais 14 quartos, num novo edifício com ligação directa ao já existente, num investimento de 360 mil euros. O serviço humanizado da instituição foi enaltecido em dia de festa.

 “Quando assumi a direcção, estava já em curso este projecto, que surgiu pelo envelhecimento da população mas também pelo bom relacionamento humano existente na associação”, referiu Conceição Almeida, presidente da direcção do Paraíso Social.

A dirigente falou de números – 167.445 euros provenientes do programa PARES para um investimento previsto de 315.850 euros – para anotar que “a realidade foi outra com as exigências entretanto surgidas”: a ampliação ficou em 360 mil euros, “mais 14 por cento” que o valor inicialmente previsto.

“Em época de crise não era fácil cumprir os nossos objectivos mas recorremos ao nosso grupo de amigos e a empresas, a quem agradecemos a generosidade demonstrada”, salientou Conceição Almeida, que também enalteceu a empresa construtora, a Brandão & Pereira.

“É pelos nossos idosos que estamos aqui, é por isso que existimos”, frisou a dirigente, que distribuiu elogios pelos funcionários e sublinhou o “carinho” existente “entre a população e a instituição”. Não esqueceu também os seus antecessores, que foram “os impulsionadores desta obra”.

(reportagem completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.