Nos dias de todos os santos e fiéis defuntos (1 e 2 de novembro) não haverá celebrações nos cemitérios, informou o conselho de arciprestes, constituído pelos arciprestes, vigário geral e responsáveis dos diversos setores pastorais, presidido pelo Bispo de Aveiro.

O conselho de arciprestes sublinha, em nota emitida após reunião do dia1, que a igreja “não tem autoridade sobre os cemitérios” e que por isso “a sua abertura ou não depende das autoridades civis, neste caso as Juntas de Freguesia ou das câmaras municipais”.

Refere ainda que as celebrações de domingo decorrerão nas igrejas, embora “quem tenha espaços largos e suficientes e respeitando as normas da DGS, as distâncias determinadas, o uso de máscaras e a desinfeção das mãos, o possa fazer ao ar livre”.

O conselho de arciprestes determinou ainda que “os sacerdotes deverão ir aos cemitérios rezar pelos defuntos da sua paróquia, mas sem determinar a hora”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *