Ângelo Gomes Ladeira, presidente do Conselho Central da Sociedade São Vicente de Paulo da Diocese de Aveiro, diz, em entrevista ao RA (edição impressa), que “as famílias procuram ajuda para pagar a renda de casa, a água, luz e medicamentos”.

Para o antigo presidente da Conferência Vicentina de Águeda, cargo que ocupou durante seis anos, “há efectivamente um aumento do número de pessoas com necessidade de apoio”. Ângelo Gomes Ladeira acrescenta ainda que “o perfil das pessoas a recorrer a ajuda mantém-se mas há também a pobreza envergonhada”.

A perda de emprego é uma das razões apontadas, sendo que a perda do Rendimento Social de Inserção “por incapacidade de gerirem a sua vida” é outro dos motivos para a actual situação. “É uma situação que exige atenção por parte das entidades que lidam com estes assuntos”, comenta.

(informação completa na edição impressa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.